O Dia Internacional da Medicina Veterinária é comemorado todos os anos em 9 de dezembro. Esta data é uma oportunidade valiosa para homenagear todos os médicos veterinários e o seus trabalhos em prol da saúde dos animais.

Dados da Health for Animals, da qual o SINDAN é associado, mostram que 20% da produção de alimentos para animais em todo o mundo são perdidos devido a doenças – muitas das quais perfeitamente evitáveis. Os veterinários ajudam a reduzir estas perdas.

Há outros dados alarmantes: 60% das doenças no mundo são zoonóticas. Ou seja, além de animais, também afetam pelo menos 2,4 bilhões de pessoas. O atendimento veterinário ajuda a reduzir a incidência das doenças animais e, desta forma, limitar a transferência de zoonoses para as pessoas.

A Health for Animals lista três maneiras para o combate das zoonoses:

1 – Vacinando milhões de cães contra a raiva, com o objetivo de erradicá-la até 2030

2 – Controlando doenças, como a salmonella em criação de aves, para prevenir a transmissão pelos alimentos de doenças às pessoas

3 – Maior controle de pulgas e carrapatos em animais de estimação, reduzindo a disseminação de zoonoses transmitidas por estes vetores

A Health for Animals também destaca três maneiras pelas quais os médicos veterinários ajudam a prevenir doenças:

1 – Vacinação: com o apoio certo, eles podem levar à erradicação de doenças, como a raiva

2 – Nutrição: reforça a imunidade contra doenças, não apenas em seres humanos, mas também em animais. É mais fácil combater doenças com suplementos nutricionais

3 – Biossegurança: impede que a doença entre no ambiente, limitando o contato com bactérias de fora da fazenda

Pin It on Pinterest

Share This